Back to Legal

Dados de Produtos e Privacidade no Local

Ao usar produtos da Faronics, você nos confia dados sobre o seu sistema e os usuários do seu sistema. Nós reconhecemos que a sua privacidade e segurança são valiosas e que, ao coletar e arquivar os seus dados, temos a responsabilidade de usá-los de forma responsável e mantê-los seguros. Para garantir a sua privacidade, usamos os seus dados apenas para prestar serviços e aprimorar esses serviços. Para garantir a sua segurança de dados, garantimos que os dados sejam armazenados em servidores seguros e os apagamos quando você não precisa mais de nossos serviços. Abaixo consta uma explicação de por que coletamos os seus dados, como os usamos, durante quanto tempo arquivamos e quais tipos de dados coletamos. Se tiver perguntas sobre o que vê aqui, não hesite em nos contatar em support@faronics.com.

Por que o software coleta dados

  • Os produtos da Faronics habilitam os nossos clientes a monitorar e controlar estações de trabalho e dispositivos móveis de usuários. Como parte desse processo, o nosso software coleta e analisa dados sobre configuração de hardware e software, e atividades de usuários. Os dados coletados pelo software são essenciais para sua operação e sua melhoria contínua. Para explicar de forma simples: o software da Faronics requer um bom conhecimento dos estados atuais e pretendidos dos sistemas-alvo para executar comandos neles com segurança, e requer conhecimento de ações do usuário para monitorar com eficácia o que os sistemas-alvo estão fazendo. Esses dados também são usados para ajudar a informar decisões sobre melhorias futuras no software, incluindo como aprimorar a experiência do usuário, quais recursos novos desenvolver e quais questões requerem correção. A Faronics não usa dados de configuração do sistema ou de usuários para criar anúncios direcionados. O software da Faronics também coleta dados sobre os nossos clientes, que são usados para manter os nossos relacionamentos com os clientes. Os dados de clientes não são usados para criar anúncios direcionados.

Quem analisa e armazena os dados

  • Os softwares Faronics Standard e Enterprise são implementados localmente, de forma que residem nos servidores dos clientes e são mantidos pelos clientes. A maior parte dos dados permanecem com o cliente: são analisados e armazenados nos servidores do cliente e estão sujeitos às políticas de segurança e privacidade de dados do cliente. Uma pequena parte dos dados são encaminhados para a Faronics para nosso uso e análise; nesses casos, usamos os dados para manter e aprimorar o produto, e para manter o nosso relacionamento com o cliente.

Quem é responsável por obter consentimento

  • Embora o software da Faronics seja usado para coletar dados, a Faronics não interage diretamente com os usuários finais, que são os clientes dos clientes da Faronics. O software é implementado pelos clientes em servidores próprios, ou administrados pela Faronics por solicitação dos clientes. Portanto, é responsabilidade do cliente garantir que tenha o consentimento dos usuários finais para coletar dados.

Políticas de retenção de dados da Faronics


  • Em acréscimo às nossas responsabilidades regulamentadas, a Faronics tem o compromisso de cumprir as melhores práticas em privacidade e proteção de dados. Em uma instalação local, a Faronics só obtém uma parte bem pequena dos dados coletados pelo software, e quase todos os dados são gerenciados e armazenados pelo cliente que executa o software. Os dados mantidos pelo cliente são responsabilidade do cliente e estão sujeitos às políticas de retenção de dados do cliente. Os dados recebidos pela Faronics incluem informações de contas e licenças, que são mantidas indefinidamente, e feedback sobre produtos, que são excluídos depois que você deixa de usar os serviços da Faronics.  Observe que você pode solicitar que a Faronics remova os seus dados, se preferir. Para mais detalhes, consulte os nossos Termos de Serviço.

Políticas de privacidade da Faronics



  • A Faronics respeita a sua privacidade; nós não usaremos os seus dados para direcionar anúncios. Para mais detalhes, consulte a nossa Política de Privacidade.

Quais dados são coletados


  • Os produtos locais da Faronics não têm os mesmos dados para todos os sistemas e usuários—quais dados são coletados dependem de quais aplicativos e serviços o cliente decidiu usar. Além das informações de identidade, versão e configuração sobre os produtos da Faronics em uso, o software tem acesso às seguintes informações de acordo com cada produto instalado:
    • Core Agent

      O Core Agent habilita a comunicação entre o Core Console e outros produtos locais da Faronics. Isso significa que, se uma estação de trabalho executa qualquer produto local da Faronics, também deve executar o Core Agent.
      Para cumprir as suas funções, o software requer os seguintes dados:
      • Informações que ajudam a identificar sem ambiguidade a estação de trabalho, incluindo seu nome, tipo, sistema operacional, localidade do sistema, endereços MAC, endereços IP internos e identificadores gerados, como ID da Máquina.
      • A identidade de rede da estação de trabalho e informações sobre como se conecta à rede, incluindo o certificado de servidor, nome de domínio totalmente qualificado, nome NetBIOS, nome de domínio/grupo de trabalho e o nome de diretório ativo /OU, se aplicável.
      • Informações básicas do usuário, incluindo quem está conectado atualmente, quem usou o computador no passado e quando usou.
      • Informações adicionais, incluindo qual versão do .NET está instalada.
    • Anti-Executable Core

      O Anti-Executable Core impede que programas desconhecidos ou indesejados sejam executados em estações de trabalho. Para cumprir as suas funções, o software requer os seguintes dados:
      • Informações sobre a licença de software da estação de trabalho.
      • Quem está tentando executar programas na estação de trabalho e quais executáveis estão tentando ativar.
      • Quais executáveis o usuário pode usar, incluindo nome, fornecedor e valor de hash.
    • Anti-Virus Core/ Enterprise

      O Anti-Virus Core e o Anti-Virus Enterprise detectam, identificam e colocam em quarentena os códigos maliciosos. Para cumprir as suas funções, esses aplicativos requerem os seguintes dados:
      • Informações sobre a licença de software da estação de trabalho.
      • A versão do software, e o quanto suas definições de vírus estão atualizadas.
      • Quais medidas de proteção antivírus estão habilitadas atualmente, incluindo status de firewall e status de proteção ativa.
      • Quando a estação de trabalho foi examinada pela última vez e quando o último vírus foi encontrado.
    • Data Igloo

      O Data Igloo é um software que acompanha o Deep Freeze e permite que arquivos selecionados sejam atualizados e salvos, mesmo quando o Deep Freeze está ativo. Para cumprir as suas funções, o software requer os seguintes dados:
      • Um inventário de todos os arquivos, perfis, pastas e chaves de registro que foram redirecionados.
    • Deep Freeze

      O Deep Freeze “congela” a configuração da estação de trabalho, retornando-a ao mesmo estado na reinicialização, não importa o que ocorreu nesse período. Para cumprir as suas funções, o software requer os seguintes dados:
      • Informações que ajudam a identificar a estação de trabalho sem ambiguidade, incluindo seu nome de computador, endereço MAC, número de série da placa-mãe, detalhes da BIOS, detalhes da CPU, ID da estação de trabalho, informações do controlador de vídeo e UUID
      • Informações de conectividade de rede, incluindo endereço IP do computador, domínio, subrede e dados do adaptador de rede.
      • Um inventário de unidades de rede e informações adicionais das unidades, incluindo números de série, informações de volumes, informações de partições, unidades de disco e unidade do sistema.
      • Informações selecionadas de configuração da estação de trabalho, incluindo configurações padrão e de horário de verão, e URL do servidor do Windows Update.
    • Console do Deep Freeze

      O Console do Deep Freeze é a interface usada pelos administradores para gerenciar a implementação. Para cumprir as suas funções, o software requer os seguintes dados:
      • Informações que ajudam a identificar sem ambiguidades o computador do console, incluindo nome do computador, endereços MAC, número e versão do sistema operacional.
      • Informações de conectividade de rede, incluindo endereço IP do computador, porta, domínio e subrede.
      • Informações de identidade de usuários, incluindo os nomes de usuários conectados, e o nome e a senha de quaisquer consoles remotos.
    • Deep Freeze Mac

      O Deep Freeze Mac realiza a mesma função do Deep Freeze, “congelando” a configuração da estação de trabalho e retornando-a ao mesmo estado na reinicialização, mas especificamente para estações de trabalho Mac. Para cumprir as suas funções, o software requer os seguintes dados:
      • Idioma preferencial para a estação de trabalho.
    • Power Save / Power Save Mac

      O Power Save é um software de gestão de energia que reduz o consumo de energia, ajustando quando e como as estações de trabalho são desligadas. Para cumprir as suas funções, o software requer os seguintes dados:
      • Informações sobre a licença de software da estação de trabalho.
      • Perfis de hardware, incluindo marca e modelo do computador e do monitor.
      • Informações sobre eventos, incluindo IDs de eventos (dormir, acordar, etc.) e seus carimbos de data/hora.
      • Idioma preferencial da estação de trabalho.
      • O Power Save Mac requer informações adicionais de identidade da estação de trabalho, incluindo endereços IP e MAC, nome da máquina, ID da máquina, nome do NetBIOS, adaptadores IP, informações do sistema operacional e DNS do domínio.
    • Software Updater

      O Software Updater faz download automático e aplica atualizações aos softwares na estação de trabalho, mesmo se o Deep Freeze está instalado. Para cumprir as suas funções, o software requer os seguintes dados:
      • Informações sobre a licença de software da estação de trabalho.
      • Informações sobre os programas que o Software Updater deve atualizar, incluindo a versão instalada e a arquitetura (32 bits / 64 bits).
    • System Profiler

      O System Profiler faz um inventário dos dados de hardware e aplicativos da estação de trabalho, criando um perfil detalhado que pode ser pesquisado e comparado com outros perfis em sua implementação. Para cumprir as suas funções, o software requer os seguintes dados:
      • Informações sobre a licença de software da estação de trabalho.
      • Informações sobre a identidade da estação de trabalho, incluindo nome e associação a domínio/grupo de trabalho.
      • Informações de hardware, incluindo marca, nome e modelo do computador e do monitor; informações sobre a placa-mãe, BIOS, memória, CPU e cache; e um inventário de unidades de rede físicas.
      • Informações sobre a placa de rede e as propriedades da rede, incluindo tipo, endereço IP e endereço MAC.
      • Informações sobre a configuração da estação de trabalho, como um perfil de seu sistema operacional, incluindo informações de registro, um inventário de unidades lógicas, incluindo capacidade; e um inventário de produtos instalados, incluindo nome, versão e outros atributos.
      • Informações do SO; Informações sobre registro para (somente System Profiler)
      • Informações sobre o estado atual da estação de trabalho, incluindo quais processos estão em execução, espaço livre disponível em todas as unidades e quais usuários estão conectados atualmente.
    • UserVoice

      O UserVoice é um utilitário de feedback do usuário incorporado no console do Deep Freeze Cloud. Para cumprir as suas funções, o software requer as seguintes informações:
      • Identidade do usuário, incluindo nome, inicial do sobrenome e endereço de e-mail.
      • Detalhes do feedback do usuário.
    • WINSelect Core

      O WINSelect Core aplica restrições a quais operações podem ser realizadas no sistema operacional Windows. Para cumprir as suas funções, o software requer os seguintes dados:
      • Informações sobre a licença de software da estação de trabalho.
      • Um inventário dos arquivos e recursos aos quais o software poderia negar acesso para os usuários, incluindo impressoras disponíveis, applets de painel de controle, unidades de rede, extensões de arquivos, ícones de estação de trabalho e executáveis em pastas de Arquivos de Programa.
      • Informações para ajudar o software a negar acesso a recursos selecionados do navegador, incluindo a versão do Internet Explorer ou Firefox instalada na estação de trabalho.